quarta-feira, 10 de setembro de 2008

Lula-Morales-Chávez no lugar de Marx-Engels-Lenine

Na Bolívia, o encontro entre os presidentes Lula, Evo Morales e Hugo Chávez em Riveralta, na opinião do jornal “Zero Hora” de Porto Alegre, evocou o “culto à personalidade” típico do império soviético. Tropas desfilaram com bandeiras estampando fotos dos três presidentes. As imagens dos três enchiam um enorme cartaz (foto acima), semelhante às enormes pinturas de Marx, Engels e Lenine — sinistros artífices do comunismo — como as que presidiam os desfiles do exército soviético na Praça Vermelha de Moscou (foto abaixo). “Trocando-se Lula, Morales e Chávez por Marx, Engels e Lenine — e substituindo-se o calor amazônico pelo outono russo —, a solenidade de Riveralta e o Dia do Trabalho moscovita guardam semelhanças”, concluiu “Zero Hora”.

(Agência Boa Imprensa - ABIM)

2 comentários:

Anônimo disse...

Pobre América Latina.
À estas três tristes figuras: bufões, incompetentes e arrogantes; juntam-se a caquética Cristina Kirchner, os estúpidos Rafael Correa do Equador, e, Daniel Ortega da Nicarágua.
Mas, o quê, os tornam, unidos e iguais: São 'herdeiros políticos' do moribundo e decrépito Fidel y de su hermano, Raúl Castro.
Osvaldo - São José dos Campos/SP
POBRE AMÉRICA LATINA!

Valderi disse...

o comentário acima é um tanto desesperançado... mas não deixa de ter motivos já que é notório a implantação por parte destes presidentes de uma América anti-americana e socialista!